quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Yammi - Robot de cozinha

 
Esta é a minha nova ajudante lá em casa.
 
Posso dizer que estou adorar. Já há muito tempo que andava de olho numa destas máquinas, mas as melhores são muito caras e como apareceu esta com uma grande promoção aproveitei.
 
Sei que a melhor é a Bimby mas para mim é muito cara. Sei que esta é máquina é capaz de não durar tanto tempo, mas para o que eu pretendo serve.
 
Há muitas discussões sobre as várias máquinas que existem no mercado, mas penso que não se podem comparar, cada uma tem as suas próprias características e por alguma razão umas custam 1000€ e outras 350€. Cada um compra o que pode.
 
Aqui está ela:
 
 
E com ela vinha este amiguinho:
 
 
Já fiz várias receitas e todas correram bem, depois vou mostrar-vos.
 
Bjs.

quinta-feira, 16 de julho de 2015

Pescada à Gomes Sá

Embora e foto não esteja grande coisa, esta é uma variação do conhecido Bacalhau à Gomes Sá.
 
Utilizei a pescada em vez do bacalhau e juntei também bróculos uma variação que costumo fazer também com o bacalhau, acho que fica menos enjoativo e devo dizer que ficou uma maravilha.

Ingredientes: pescada cozida; batatas cozidas; ovos cozidos, bróculos cozidos; alho e azeite q.b.
 
Eu nestes pratos por vezes não faço a cebolada, apenas faço com alho e azeite.
 
Muito fácil e saudável:
 

 
Bjs.






segunda-feira, 6 de julho de 2015

Cheesecake de morango

Ora aqui está uma receita que adoro e que nunca tinha feito. Andava muito curiosa em relação a esta receita, até porque pensava que era de dificil confeção e demorada.
 
Mas não, como me enganei, assim que vi este cheesecake num dos meus blogues favoritos "O Bolinho de Sábado", decidi meter maão à obra.
 
Esta receita é super simples e rápida de fazer. Deixo aqui a receita com as alterações que fiz:
 
Ingredientes: Base: 200 g de bolacha maria; 90 g de manteiga.
Recheio: 4 folhas de gelatina neutra; 250 g de natas (utilizei só um pacote de 200g); 40 g de sumo de limão; 110 g de açúcar; 250 g de queijo creme Philadelphia (utilizei queijo creme da marca Lidl que neste caso a embalagem é de 200g)
Lemon Curd (neste caso utilizei Doce de morango caseiro)

Preparação:
Base: Num Robot de cozinha triturei a bolacha e juntei a manteiga derretida.
Forrei o fundo de uma tarteira de fundo amovivel com esta mistura, calcando bem com as costas de uma colher.
Recheio: Hidratei as folhas de gelatina num recipiente com água.
Coloquei num recipiente as natas e o sumo de limão e bati com a batedeira. Adicionei o açúcar e o queijo creme e bati mais um pouco.
Escorri a gelatina e derreti no micro-ondas cerca de 20 segundos. De seguida misturei a gelatina ao preparado anterior. Coloquei sobre a massa e levei ao frigorífico até ganhar consistência. Quando o recheio já estava firme, cubri com o doce. Sirvir fresco.
 
Aqui está:


Prontinho a comer:
 
 

Para a próxima vou adicionar mais um pacote de natas e umas raspas de limão.
 
Bjs.

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Tarte de limão

Uma tarte que lá em casa não reuniu consenso. Acharam-na muito ácida, eu fui a única que gostei e até acho que se não fosse o ácido do limão se tornava muito enjoativa.
 
Para a próxima vou reduzir na quantidade de raspa de limão.
 
Tirei-a de um blog mas como não escrevi o nome não me recordo de qual foi, se a pessoa em questão vir o meu post agradeço que me diga para lhe dar os devidos créditos.
 
Ingredientes: 1 massa quebrada; 4 ovos grandes; 200 ml natas; 3 colh.sopa maizena; 100g manteiga derretida; 1 colh.chá baunilha; 300g acúcar; 1dl sumo limão; raspa de 2 limões
 
Modo de preparação: Untar uma tarteira de fundo falso (saltei esta parte, não achei necessário), forrar com a massa e picar a mesma com um garfo, reservar no frigorifico. Bater os ovos, a baunilha, a raspa dos limões e o açúcar. Juntar a maizena, a manteiga, as natas e o sumo de limão e bater entre cada adição de ingredientes. Verter o preparado na massa e levar ao forno a 180º mais ou menos 1h.
 
Aqui está acabada de sair do forno:

 
 
Depois de deseformar:

 
Esta tarte é muito boa fresquinha.
 
Bjs.

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Bolo das dez claras

Tinha umas caixas de claras congeladas e como precisava de fazer um bolo, mas não tinha muitos ovos decidi procurar este em especifico, pois já o tinha visto num dos meus blogues favoritos.
 
Adoro as sugestões do blogue "As receitas lá de casa", as receitas são muito fáceis e acessiveis.
 
Este bolo em particular ficou muito bom e irei repetir sem dúvida.
 
Fiz tal e qual a receita publicada no blogue:
 
Ingredientes: 10 claras; 1 pitada de sal fino; 150g de margarina amolecida; 300g de açúcar; 3 colheres de sopa de leite; 250g de farinha; 1 colher de chá de fermento; Sumo e raspa de 1 limão pequeno.
 
Modo de preparação: Pré-aquecer o forno a 180.ºC. Untar uma forma com margarina e polvilhar com farinha. Reservar.
Começar por colocar as claras numa taça grande, com uma pitada de sal fino e bater até ficarem em castelo firme.

Noutra taça colocar a manteiga amolecida, juntamente com o açúcar. Bater bem até obter um creme fofo. Juntar o sumo e a raspa de limão e as colheres de leite. Bater novamente. Juntar a farinha e o fermento e bater novamente até estar completamente homogéneo.

Juntar uma colherada das claras a este preparado e envolver delicadamente com uma colher, de cima para baixo, sem bater, de forma a começar a soltar a massa. Ir juntando colheradas das claras e proceder da mesma forma até terminarem. Quando estiver uma massa fofa e uniforme, colocar na forma reservada, cobrir com açúcar (opcional) para lhe dar uma cobertura estaladiça e levar ao forno cerca de 35 minutos.

Aqui está ele, acabado de sair do forno:
 


Um bolo, que serve perfeitamente de base para um bolo de aniversário:
 

 
Bjs.

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Sopa de agrião e feijão manteiga

Ao fim-de-semana quase sempre faço sopa. Muito a contragosto dos meus filhos, mas tem de ser pois faz-lhes muita falta.
 
Esta que fiz ficou muito boa, é de agrião e feijão manteiga.
 
Ingredientes: 1 molho de agrião, 3 cenouras, abóbora q.b.; 1 lata de feijão manteiga; 2 alhos; 1/2 cebola; batata q.b.; 1 caldo Knorr.
 
Modo de preparação: Corto tudo em pedaços pequenos à excepção do agrião, de 1 cenoura e do feijão. Levo a cozer numa panela durantes 20m. Passo tudo e volto a colocar ao lume. Junto o agrião arranjado e lavado juntamente com 1 cenoura partida aos pedacinhos e com o feijão lavado e escorrido.

Aqui está prontinha a comer:


Acompanhei com os folhados de salsicha que fiz no outro dia.
 
Bjs.
 
 
 
 

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Folhados de salsicha

Gosto muito da massa folhada do Lidl, costumo comprar para fazer palmiers e estes folhadinhos de salsicha.
 
Fiz num fim-de-semana para acompanhar uma sopa de agrião e feijão.
 
Não gosto muito deles quentes pois acho a massa folhada enjoativa, mas depois de frios, adoro e lá em casa desaparecem num instante.
 
Aqui estão eles acabadinhos de sair do forno.



Não vou deixar a receita, pois toda a gente sabe fazer.
 
Bjs.
 
 
 
 
 
 

quarta-feira, 20 de maio de 2015

YOUZZ.net - Campanhas Garnier

Mais uma vez fui selecionada para uma campanha.
 
Gosto muito de experimentar os produtos dos questionários que nos fazem e tenho tido a sorte de ser escolhida para experimentar alguns.
 
Desta vez foi uma coloração nova da Garnier, cores muito bonitas.
 
Aconselho a experimentarem.
 
 
Em conjunto com as colorações enviaram-me alguns vales que se forem utilizados com as promoções que costumam ser feitas nos supermercados, consegue-se uma boa promoção:


De facto os castanhos são a minha côr favorita:
 




Bjs.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Almôndegas de carne

Há pouco tempo atrás era raro fazer almôndegas em casa ou até comprar já feitas, até que um dia para variar decidi comprar carne picada no talho para tentar fazer.
 
Adorei, fiquei simplesmente fã, muito rápido de fazer ao contrário da ideia que eu tinha e o molho fica delicioso. Posso dizer até que gosto mais de comer a carne picada na versão de almôndegas do que a tradicional bolonhesa.
 
Fiz assim:
 
Ingredientes: 500g de carne de vaca picada; 1 ovo; 1/2 chouriço; 1/2 cebola; 2 alhos; orgãos q.b.; sal e pão ralado; 1 lata de tomate triturado; um pouco de polpa de tomate; açúcar q.b; azeite q.b.
 
Modo de preparação: No robot de cozinha pico a cebola, o alho e o chouriço tudo junto. Misturo à carne, tempero com os oregãos e sal. Junto o ovo e mexo bem. Por fim junto o pão ralado até ter a consistência que pretendo. Deixo repousar um pouco no frigorifico. Entretanto faço o molho. Num tacho coloco 1 alho picado e um pouco de zeite, deixo refogar junto o tomate picado e um pouco de polpa de tomate. Junto mais um pouco de oregãos, sal e um pouco de acúçar para ajustar a acidez do tomate. Quando estiver apurado junto as almôndegas um pouco de água e deixo cozinhar.
 
Acompanhei com esparguete.
 
Aqui está:

 
Elas ainda no tacho:


Para a próxima em vez de juntar o chouriço à carne, vou experimentar com farinheira.
 
Bjs.



quinta-feira, 7 de maio de 2015

Restos de pá de porco assada - Aproveitamentos

Tinha uns restos de pá de porco assada no forno já desfiada que tinha congelado.
 
E como já tinha arroz branco feito foi só colocar a carne (já descongelada) na frigideira com um pouco de azeite e uma alho picado.
 
Ficou uma delicia e tendo estas carnes assim guardadas é muito fácil e rápido fazer uma refeição.
 
Aqui a carne já prontinha a ser servida: 

 
Bjs.

terça-feira, 14 de abril de 2015

Esparguete com bacon e chouriço

Uma receita que faço quando quero algo simples e rápido, não é para estar sempre a fazer mas que de vez em quando sabe bem, isso sabe.
 
Modo de preparação: Cozo esparguete com um pouco de sal e um caldo Knorr de galinha. Numa frigideira deixo o bacon e o chouriço cortado em pedaços pequenos fritar até ficar douradinho e largar parte da gordura. Junto um pacote de natas light e deixo apurar. Num recipiente coloco o esparguete e de seguida a mistura do bacon com o chouriço e natas.

Aqui está pronto a servir.
 
 
Os meus filhos adoram este prato.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

Douradas assadas no forno

Adoro Douradas, seja grelhadas ou assim assadas no forno. O meu marido estava habituado a comê-las grelhadas na brasa e torceu o nariz quando lhe disse que ia fazé-las no forno, mas quando provou gostou bastante.
 
Estas eram granditas e os temperos que utilizei forma os básicos que se utilizam nos assados de peixe.
 
Modo de preparação: Num tabuleiro de ir ao forno coloquei uma camada de cebola cortada às rodelas e coloquei por cima as douradas já temperadas com sal. Reguei com um pouco de vinho branco e polpa de tomate. Levei ao forno a assar.
 
Aqui prontinhas a comer: 


Aqui um dos pratos já na mesa, eu opto pelas batatas cozidas ou assadas para companhamento de peixe, neste caso foram cozidas com a pele, pois acho que ficam muito mais saborosas e por norma é assim que as cozo.

 
Muito bom e simples até para os dias de semana, para desenjoar da carne:
 

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Bolo de anos - Pão de ló com ananás

Este é um dos clássicos. Seja para aniversários, seja para um almoço de fim-de-semana mais elaborado.
 
Faço com ananás ou com morangos, uma verdadeira delicia.
 
Este em questão foi para um aniversário meu.
 
A receita já publiquei aqui no blog.
 
 
 
Experimentem que não se vão arrepender.
 
Para quê comprar bolos de aniversário, se os nossos são tão melhores.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Tortilha de cebola

Esta é uma receita que faço algumas vezes e que eu chamo de Pastelão. É uma receita que já a minha mãe fazia e que eu adorava, confesso que o sabor do dela não é igual ao meu, mas acho que isso acontece com alguns pratos da nossa infância.
 
Eu por norma além de não poder comer cebola, não gosto mesmo e evito só mesmo nos refogados e muito picadinha, pois apesar de não gostar sei que dá muito sabor.
 
Foi o caso aqui, os espanhois utilizam muito a cebola nas tortilhas e eu decidi experimentar, mas sou sincera gosto mais da minha versão sem a cebola.
 
As quantidades faço sempre a olho.
 
Ingredientes: Batatas fritas aos cubos; linguiça às rodelas; 6 ovos; 1 cebola pequena; sal e pimenta para temperar.
 
Modo de preparação: Num recipiente juntar a cebola às rodelas, os ovos batidos, as rodelas de linguiça, as batatas fritas e temperar. Numa frigideira anti-aderente colocar um pouquinho de óleo e deitar a mistura. Deixar fritar até estar consistente e poder virar para fritar do outro lado.
 
Muito fácil e rápido:
 
 

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Quiche de alho francés e carne

Eu até não sou muito apreciadora de quiches, mas quando vi esta receita num dos meus blogues favoritos, Manual de Sobrevivência para Viver mais Poupado, decidi mais uma vez que iria dar o beneficio da dúvida a este prato, sim porque já tinha experimentado antes fazer aquelas quiches que têm natas e odiei.
 
Segundo me parece esta receita é da Joana Roque, mas eu ainda não tinha dado conta dela.
 
Deixo aqui a receita tal e qual como a Ariana deixou no blog dela, a minha quiche só não tem os cogumelos pois não gosto:
 
Ingredientes: 1 base de massa folhada; restos de frango assado, desfiado e sem peles; 1 cebola picada; 2 dentes de alho picados; 1 cenoura ralada; 1 rama de alho francês cortada em juliana fininha (sim, a parte mais dura e verde que costumam deitar fora!); 1 lata de cogumelos laminados; 4 ovos; 200 ml de leite; um pouco de queijo flamengo ralado: azeite; sal e pimenta q.b..
 

Modo de preparação: Põem-se a cebola e o alho a alourar numa frigideira larga num pouco de azeite. Assim que estiverem quebrados, acrescentam-se os cogumelos laminados, depois o alho francês e a cenoura e deixa-se a refogar.
Acrescenta-se o frango assado desfiado e deixa-se novamente a cozinhar, até o alho francês estar macio.
Forra-se uma tarteira de fundo amovível com a massa folhada e pica-se a massa com um garfo. Espalha-se a mistura de frango no fundo da tarteira.
À parte batem-se os ovos com o leite e tempera-se de sal e pimenta. Verte-se sobre a mistura de frango na tarteira e espalha-se por cima o queijo ralado. Leva-se ao forno, previamente aquecido a 200ºC, por cerca de 40 minutos, ou até a tarte estar cozinhada e dourada.
 
Aqui está já com os legumes:

 
Aqui já pronta para ir ao forno:

 
Eo resultado final prontinha a comer:

 
Adorei esta quiche feita com leite e ovos muito melhor do que com natas, e é ideal para termos congelado sempre pronta a fazer uma refeição.
 
Bjs.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

PARCERIA - GULOSO

 Mais uma parceria feita em 2014. Adorei, a marca é fabulosa e os seus produtos ainda mais.
 
Podem visitar o site aqui.
 
Agradeço a simpatia e disponibilidade por parte da Guloso. Já passei a ser cliente assídua.
 
Aqui o presente que me enviaram:


 
Lá em casa o Ketchup que não pode faltar e o molho para a Bolonhesa que eu já conhecia e era fã:


 
Adorei o do meio A L´Italiana:

 
Gostei muito também da Passata de tomate Mangericão e Oregãos:


 
Aqui acho que estes produtos são muito práticos de usar e o meu preferido é claro o Tomate em pedaços com Mangericão e Oregãos, duas ervas aromáticas que adoro:


Uma marca de confiança e qualidade, sem dúvida.
 
Bjs.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

PARCERIA - DULCIS

Bom ano de 2015 a todos os que visitam este cantinho.
 
O 1º post deste ano é sobre uma parceria que fiz com a marca Dulcis. É uma marca que tenho visto divulgada noutros blogs e espero agora também poder experimentar os produtos que vendem. 
 
Estes foram os miminhos que me enviaram:
 
Folhetos com a gama que têm à venda e também um livro com receitas:


 
Enviaram também vales de desconto para compras on-line:

 
Obrigado pela simpatia e disponibilidade.
 
Bjs.

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Tarte de amêndoa

Eu não sou apreciadora deste tipo de tarte, mas no final do ano foi uma das sobremesas que experimentei fazer.
 
Não correu mal, mas o sabor final até qua não foi mau embora tenha achado que a base ficou um pouco massuda.
 
Publico hoje as fotos e amanhã coloco a receita que fiz.
 
Aqui está ela pronta já a comer:


Aqui a base já pronta:


Aqui ao sair da forma: